blogs SAPO

.Mais sobre mim

.subscrever feeds

.Pesquisar neste blog

 
Quarta-feira, 15 de Agosto de 2012

A nossa triste realidade...

Publicado por Miguel às 16:02
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos
Segunda-feira, 17 de Outubro de 2011

Aumento da carga horária laboral em trinta minutos...

 Todos os portugueses que trabalham no sector privado já sabem que em 2012 terão de trabalhar mais meia hora por dia, contabilizando assim oito horas e meia...o ministro das finanças diz que é para ajudar as empresas exportadoras...será?

 Exportações...álem da autoeuropa, da cortiça, algum atum enlatado, sapatos...pouco mais este país exporta, não somos um país exportador, há muito que dependemos do exterior até para a nossa satisfação mais básica...a alimentação.

 Sendo assim parece-me que esta medida vai beneficiar poucas empresas exportadoras, mas vai beneficiar a carteira de muito patronado, das grandes empresas retalhistas que exploram os empregados até ao osso, e vai aumentar fortemente o desemprego.

 Um horário de oito horas diárias certinhas é algo que muitos portugueses nunca tiveram, na maior parte das empresas já trabalham mais de oito horas e nem por isso as recebem, vão direitinhas para o bolso do patrão...quem estiver nesta situação não pense que este aumento horário o vai afectar, pois vão passar a trabalhar as oito horas e meia, mais o "X" tempo que costumavam fazer de borla...não tenham filhos, não vão ter tempo para eles!

 Muitas empresas já mandam os empregados para casa, não há encomendas, não há trabalho para os que já lá estão, para essas esta medida não serve.

 O que vai aumentar certamente será o desemprego, meia hora num, meia hora noutro, resulta em menos trabalhadores necessários para a laboração da empresa, e consequentemente menos contratações e mais despedimentos, a juntar ainda as medidas já tomadas que promovem o trabalho precário, temos aqui uma mistura explosiva...de desemprego.

 Na minha opinião esta é mais uma medida entre várias já tomadas que apenas visam beneficiar os grandes interesses económicos, servirá apenas para encher os bolsos a muito patronato que o usará para gastar em carros de alta cilindrada, viagens, amantes...não tenho ilusões, poucos serão os patrões que usarão esse dinheiro para investir na sua empresa, para modernizar a maquinaria, para expandir a sua área de negócio, só assim se assistirá ao desejado aumento da produtividade, se o patronato tiver essa mentalidade inovadora...ao invés da mentalidade ganânciosa que tanto abunda neste país.

 Seja nas empresas, seja no estado, o que realmente é necessário são bons gestores, que promovam um desenvolvimento sustentado, que sejam inovadores, justos e acima de tudo humanos...vivemos uma grande crise...mas de valores...chega de ganância!!

 

Publicado por Miguel às 22:22
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

.Janeiro 2013

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.Posts recentes

. A nossa triste realidade....

. Aumento da carga horária ...

.Arquivos

. Janeiro 2013

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

.Tags

. todas as tags